Início Ciência Droga recentemente descoberta age contra o câncer e reduz efeitos colaterais

Droga recentemente descoberta age contra o câncer e reduz efeitos colaterais

307
0

Inibidores BET: esse é o nome da nova classe de medicamentos contra o câncer que vem sendo testados e se mostram promissores. No entanto, essa classe pode induzir efeitos colaterais tóxicos.

Os pesquisadores de Yale, agora, descobriram um novo inibidor. Essa inovação demonstrou maior potência contra uma ampla variedade de cânceres, e também produz menos efeitos colaterais em comparação com outros da classe.

A pesquisa foi feita por uma equipe sob a liderança de Qin Yan professor associado de patologia.

“Muitos medicamentos de pequenas moléculas atualmente em teste funcionam apenas em doenças malignas do sangue”, disse Yan. “Isso tem a promessa de quebrar essa barreira.”

Os medicamentos de pequenas moléculas que inibem o BET atualmente em desenvolvimento foram eficazes somente contra cânceres do sangue, como leucemia. Já para a maioria dos demais tumores ele é ineficaz. Além disso, essas drogas apresentam efeitos colaterais difíceis, como fadiga e náuseas.

Já o novo inibidor foi testado em animais, e se chama NHWD-870.  Eles descobriram que era entre 3 e 50 vezes mais potente contra as células cancerosas do que os inibidores BET existentes.  Ele exibiu atividade robusta contra tumores sólidos, em parte impedindo a proliferação de macrófagos associados a tumores (TAMs). Isso gerou um impacto que acabou  evitando que os grandes glóbulos brancos se propagassem e restringindo o crescimento do tumor.

Além disso, o novo inibidor também teve menor toxicidade, medida na perda de peso corporal em animais, do que outros inibidores.

Yan agora está realizando testes clínicos em humanos.

Super interessante, não é?

Texto originalmente publicado em revistasaberesaude e adaptado pela equipe do blog Educadores.