Início Comportamento Criança é impedida de entrar na escola por brincar na aula e...

Criança é impedida de entrar na escola por brincar na aula e reclama com placa: “Quero aprender”

195
0

Tudo o que uma mãe deseja para seu filho é bem-estar e que ele possa se desenvolver como uma boa pessoa. E embora toda mãe queira que seu filho se comporte bem, todas sabemos que  há idades em que as crianças apresentam mudanças de comportamento que podem causar problemas na sala de aula. Mas para uma mãe,  a solução para isso nunca deve ser privar o filho da educação, mas sim dar a ele as ferramentas para se adaptar.

Essa é a denúncia de Scarlett Ríos , mãe do menino Juan Ángel Carranza Ríos , que foi expulso da Escola Primária María Candelaria Venegas Trevor II , Hermosillo , Sonora , México , por suposto mau comportamento .

 Para a mãe é injusto que não o deixem entrar na instituição. Ela decidiu reclamar tanto judicialmente como através das redes sociais, para expor esta situação que ele estava passando. 

“A diretora e professora Margarita 1-A María Candelaria Venegas Trevor II Elementary School , Hermosillo , Sonora não deixa meu filho ir estudar”, escreveu Ríos no post que fez no Twitter .

No tweet há uma foto de seu filho, segurando uma placa com a qual reivindica a medida que considera prejudicial à sua educação. “Quero estudar , a professora e a diretora não me deixam entrar porque sou ‘ travessa ‘. Eu só quero aprender ”, dizia o texto.

Alguns internautas concordaram com a mãe em sua reclamação e outros acreditaram que o menino merecia. No entanto, Ríos também confirmou que entrou com uma queixa legal pelo ocorrido.

“Fiz um pedido formal e pessoal ao diretor na última quinta-feira para uma carta explicando por que meu filho foi negado o acesso ao campus e ele se recusou a me dar , fiz um documento que apresentei a ele solicitando o mesmo e ele ainda recusou. “, disse ela. O documento afirmava que “ao proibir o acesso ao campus e, conseqüentemente, seu direito à educação, (está) violando o artigo 3 da Constituição Política dos Estados Unidos Mexicanos”. Segundo a mãe, tudo aconteceu apenas porque a criança queria brincar na aula . Embora essa situação tenha ocorrido há um ano , vale lembrar para que não aconteçam mais casos como esse.

Texto originalmente publicado upsocl e adaptado pela equipe do blog Educadores.