Início Ciência Adesivo de cannabis para fibromialgia e dor nos nervos é criado por...

Adesivo de cannabis para fibromialgia e dor nos nervos é criado por empresa

577
0

As evidências sugerem que a planta cannabis é um remédio herbal para distúrbios psico-neurológicos, câncer, reumatismo, distúrbios sexuais e complicações dolorosas relacionadas ao parto. E com isso, inúmeras pesquisas surgiram nesse ramo para poder trazer benefícios para a área da saúde. Entre essas pesquisas é que surgiu um adesivo de cannabis para pacientes com fibromialgia e dor no nervo diabético.

Fibromialgia e neuropatia diabética têm algumas coisas em comum: a dor inexplicável, o formigamento, e a redução drástica na qualidade de vida. Pesquisas indicam que a canabis pode ter poderosos efeitos terapêuticos para ambas as condições, sendo esse adesivo um grande desenvolvimento para a aplicação da cannabis como tratamento.

Um estudo com 16 pacientes com neuropatia diabética dos pés descobriu que a erva reduziu com sucesso os sintomas de dor nos nervos associada a condições de esclerose múltipla também.

Os produtos farmaceuticos de cannabis costumam ser caros, mas já estão disponíveis em alguns países para o tratamento de distúrbios nervosos. No entanto, a maioria dos pacientes ainda ficam presa com cremes tópicos e opções de cannabis por via oral, que podem ser um pouco fortes durante o dia.

Agora, a empresa  Cannabis Science, Inc. – uma empresa de pesquisa farmacêutica que trabalha para desenvolver novos medicamentos inovadores para a cannabis – anunciaram seu projeto mais recente: um adesivo transdérmico. Esse adesivo fornece um poderoso remédio contra a dor através da pele e na corrente sanguínea.

A idéia da empresa é fornecer dois adesivos: um pra fibromialgia e outro para neuropatia diabética. Em um comunicado à imprensa anunciando o novo adesivo para dor, o CEO da empresa, Raymond Dabney, explica:

“O desenvolvimento dessas duas novas aplicações farmacêuticas é apenas a ponta do iceberg para o que vemos como o futuro da Cannabis Science. Enquanto nos esforçamos para aumentar nossa capacidade terrestre de crescimento e instalações para produzir nosso próprio produto para fornecer aos nossos cientistas materiais proprietários para fazer essas formulações, também estamos ocupados pesquisando mais necessidades em potencial para aplicações médicas relacionadas à cannabis e desenvolvendo os métodos para a entrega dessas medicações.

Texto originalmente publicado em revistasaberesaude e adaptado pela equipe do blog Educadores.