Início Curiosidades Vaga-lumes estão em extinção: saiba o motivo e como ajudar

Vaga-lumes estão em extinção: saiba o motivo e como ajudar

547
0

Entenda o motivo de você não ver mais vaga-lumes

Durante a nossa infância, ficávamos realmente admirados quando víamos um vaga-lume. Era como se, por alguns segundos, estivéssemos no reino encantado das fadas. Atualmente, ver um destes bichinhos se tornou ainda mais raro e as crianças de hoje em dia não podem desfrutar deste momento tão puro.

Segundo estudos científicos, o desaparecimento dos vaga-lumes pode ocasionar inúmeras consequências que influenciam nas nossas vidas, muito além do imaginário.

Foi publicado um artigo pelo jornal The New York Times, em 2014, onde se destaca o tema ao analisar a conservação de vaga-lumes:

“Vaga-lumes são indicadores da saúde do meio ambiente e estão sumindo do mundo como resultado do prejuízo e degradação de seu habitat, poluição dos rios, aumento do uso de pesticidas em agroecossistemas e aumento de poluição luminosa em áreas de habitação humana”.

O autor do livro “Antes Que os Vaga-lumes Desapareçam e Influência da Iluminação Artificial sobre o Ambiente” explica que a iluminação artificial (que utiliza energia elétrica) é responsável por gerar poluição astronômica e excesso de dióxido de carbono, o que acaba impactando na vida destes animais e por consequência, impacta aa biodiversidade.

Como que as luzes artificiais impactam na vida dos vaga-lumes? O que devemos fazer?

A fêmea da espécie utiliza da sua luz natural para atrair os machos, porém, isso só ocorre quando a luz do ambiente é menos influente do que a luz lunar. Mas, com o excesso de luz artificial, a fêmea não consegue encontrar as condições necessárias para atrair o macho e procriar, o que prejudica a existência da espécie.

Em busca de uma alternativa para este problema, o site norte-americano Treehugger ressaltou quatro passos simples que podem auxiliar na diminuição do impacto ambiental causado pela iluminação artificial. Confira:

• Não use pesticidas químicos;

• Não elimine vermes, caramujos e lesmas, para que, deste modo, as larvas dos vaga-lumes possam se alimentar;

• Desligue as luzes sempre que for possível;

• Providencie gramas, folhagens e arbustos, que são ambientes favoráveis para os vaga-lumes.

Fonte: catracalivre