Início Beleza Suco de gengibre e cítricos ajuda a combater as celulites

Suco de gengibre e cítricos ajuda a combater as celulites

167
0

Aprenda uma receita simples e caseira para combater a celulite

A celulite é um “probleminha” que assombra muitas mulheres por possuir uma aparência oca agregada à pele. Ela se forma devido ao acúmulo de depósitos de gordura sob a pele. Normalmente, isso se torna muito mais visível em certas áreas do corpo, como nas coxas, braços, abdômen e nádegas.

Se por um lado a celulite não representa um problema à saúde, ela pode ser aterrorizante a um nível estético. Muitos homens e mulheres ficam constrangidos ao usar certos tipos de roupas ou até ir à praia, por medo de deixar a celulite exposta.

Atualmente, existem muitos métodos para ajudar a acabar com a celulite. Existem, por exemplo, pessoas que até recorrem à cirurgia; Há também um grande número de medicamentos que prometem acabar com o problema. Porém, existem métodos mais naturais de acabar com esse mal.

A receita que apresentaremos a seguir tem como base o uso de toranja. Esta fruta foi considerada por muitos nutricionistas e médicos como um poderoso aliado para desintoxicar o corpo, regular o açúcar no sangue e acelerar o metabolismo; mas também é muito poderoso no tratamento da celulite.

SUCO DE CITRINO COM GENGIBRE PARA CELULITE

Ingredientes

1 pedaço de raiz de gengibre;

1 toranja grande;

¼ limão;

2 laranjas;

Modo de preparo:

Esprema o limão, as laranjas e a toranja em um copo. Rale um pouco da raiz de gengibre.

Como usar:

Ingira este suco pela manhã, com o estômago vazio. É essencial que você sempre escolha frutas frescas e orgânicas e não guarde o suco de um dia para o outro. Prepare e consuma imediatamente.

Além disso, é necessário que as frutas estejam em temperatura ambiente, já que a ingestão de frutas cítricas geladas com o estômago vazio pode causar algum desconforto estomacal.

O que pode ocasionar um maior aparecimento de celulites?

Genética;

Sedentarismo;

Estresse;

Consumo excessivo de álcool;

Tabagismo;

Uso de roupas e calçados inadequados, que apertem muito o corpo;

Ficar muito tempo sentado ou muito tempo em pé;

Alterações hormonais;

Distúrbios de circulação;

Consumo exagerado de alimentos ricos em gorduras e carboidratos.

Fonte: naxio