Início Comportamento Sabotadores da felicidade, pessoas que oprimem e exaurem

Sabotadores da felicidade, pessoas que oprimem e exaurem

91
0

Você já conheceu alguém que engole seu tempo e sua energia? Já teve seu equilibrio emocional abalado por causa das atitudes e palavras de pessoas tóxicas? Isso são comportamentos e sentimentos que emanam daquilo que se chama “sabotadores da felicidade”.

Sabotadores da felicidade sugam suas energias. É como se precisassem de um “hospedeiro”, alguém para tirar as energias e fazê-lo se sentir melhor. Geralmente são pessoas infelizes, e que não estão em paz com a própria vida, se negando a aceitar que o outro pode estar melhor que ele. Eles precisam fazer você sentir a infelicidade que eles sentem por dentro.

Um estudo conduzido na Universidade de Rochester revelou que 1 em cada 10 pessoas tem um perfil psicológico que é exaustivo ou muito difícil para outras pessoas administrarem. Esses são os sabotadores da felicidade.

Os mecanismos que eles utilizam para nos sugar podem variar de pessoa pra pessoa: Uns falam muito, exigindo nossa atenção por um longo tempo e cansando nossa cabeça; outros nos sobrecarregam com críticas e reclamações; e outros nos enchem de exigências excessivas. Todos estes nos emanam energias ruins e puro pessimismo.

MAS EMOÇÕES SÃO CONTAGIOSAS? POSSO ME CONTAMINAR COM PESSIMISMO?

Sim. Mesmo que você não note – é bem possível que não perceba – as emoções contagiam você. Muitas vezes agimos como “esponjas emocionais” absorvendo tudo que o outro tem a oferecer, e se ele tem coisas ruins, você irá absorver essa ruindade.

Mas claro que você deve tomar cuidado: nem sempre os outros são responsáveis pelos transtornos da sua vida, e pode ser, inclusive, que VOCÊ seja a pessoa que está emanando negatividade, enquanto acredita ser os outros. Portanto é importante olhar para si e identificar corretamente seus sentimentos, a fim de poder lidar da melhor forma possível com as situações.

ESTABELEÇA LIMITES E PROTEJA SEU EQUILÍBRIO EMOCIONAL

Quando você descobre que, de fato, existem pessoas drenando sua energia, você não deve simplesmente cruzar os braços e aceitar. Você precisa tomar atitudes.

Estabelecer limites de relacionamento é o melhor caminho. Procure entender em quais momentos essas pessoas são tóxicas pra você e tentr adquirir estratégias que exitem contato. Se for alguém da sua família, por exemplo, tente mudar o rumo do assunto, e tente trazer informações positivas. O positivismo é uma barreira muito grande para aqueles que tendem a reclamar demais, ou cobrar demais. Quando eles se deparam com pessoas positivas e que enxergam a beleza nas coisas, não conseguem despejar seu negativismo nelas.

Portanto, cuide-se. O autocuidado é a melhor forma de barrar pessoas com más energias.

Texto originalmente publicado em rinconpsicologia e adaptado pela equipe do blog Educadores.