Início Comportamento Há crianças que terminam a escola sem ler nem escrever bem

Há crianças que terminam a escola sem ler nem escrever bem

1108
0

Chiche Gelblung conversou com Ana María Borzone, especialista em Educação, sobre dados alarmantes de crianças do ensino fundamental: Nas avaliações fica evidente que as crianças não compreendem os textos porque não sabem ler nem escrever.

Quando se fala da crise nas escolas, quase sempre se evocam razões econômicas como baixo orçamento, queda geral da economia, pobreza, etc. Mas  Ana Borzone,  pesquisadora principal do Conicet que durante décadas coordenou equipes que estudam os métodos de ensino,  aponta para uma causa de ordem ideológica: a psicogênese da escrita, o método global ,  a crença de que a criança aprende sozinha,  por intuição, por tentativa e erro, e que o professor é apenas um guia. São teorias tão amplamente aplicadas quanto malsucedidas.

O problema, explica Borzone, é que a reação das burocracias ministeriais é esconder o fracasso com medidas como unir os três primeiros anos de ensino em um único ciclo e proibir a repetência. O ensino intensivo de leitura e escrita nos primeiros meses de escola foi abandonado. As consequências são dramáticas e são sentidas ao longo de toda a escola primária e secundária. “Isto é uma grande farsa. Se as crianças não aprendem é porque se instalou nos Ministérios uma linha ideológica que proíbe o ensino sistemático da leitura e da escrita”, disse Borzone.

O que você acha disso?

Texto originalmente publicado em imageneseducativas e adaptado pela equipe do blog Educadores.