Início Comportamento Taxas de demência triplicarão em todo o mundo até 2050, segundo pesquisa

Taxas de demência triplicarão em todo o mundo até 2050, segundo pesquisa

969
0

Assustadoras são as previsões para a saúde do cérebro das pessoas no futuro.  As estimativas dos cientistas mostram que em 2050 os casos devem chegar a 14,3 milhões só na União Europeia e 18,8 milhões na Europa em geral. A Organização Mundial da Saúde já havia previsto em 2012 o número assustador de 18 milhões de pacientes na Europa até 2050.

Estas estimativas são baseadas em dados de 37 países europeus. Segundo eles, são as mulheres que ainda têm mais demência do que os homens (6,65 milhões de mulheres e 3,13 milhões de homens com demência). Isto significa que 1,57% da população europeia sofre de algum tipo de demência. Globalmente, parece que os casos de demência triplicarão até 2050, para 130 a 150 milhões.

As razões para o aumento da demência

Uma das razões pelas quais isso acontecerá é que as pessoas estão vivendo agora e viverão mais. A expectativa de vida está aumentando devido aos avanços da ciência e melhores condições de vida, pelo menos na civilização ocidental. “O aumento significativo previsto no número de pessoas com demência nos próximos anos colocará ainda mais pressão sobre os serviços de saúde e de apoio ao paciente, a menos que sejam encontradas melhores formas de tratar e prevenir a demência”, disse Jean Georges, diretor da Alzheimer Europe.

Até o momento, nenhuma cura foi encontrada para nenhuma das formas de demência. Se entendermos o mecanismo da doença completamente, também poderemos encontrar uma maneira de tratá-la em sua raiz e, finalmente, ter uma cura completa.

Texto originalmente publicado em enallaktikidrasi e adaptado pela equipe do blog Educadores.