Início Comportamento Professora de Vacaria/RS, faz varal com atividades e kit de material escolar...

Professora de Vacaria/RS, faz varal com atividades e kit de material escolar para alunos sem acesso à internet

1759
0

Já se sabe que com a pandemia as aulas estão suspensas e não há uma previsão de retorno. Sendo assim, muitas escolas e universidades tem continuado suas aulas e lições através de plataformas na internet. Mas e aqueles alunos que não tem esse recurso em casa?

Pensando nesses alunos mais carentes que a professora Vera Lúcia Lisboa Borges, do segundo ano da escola Dom Henrique Gelain, de Vacaria no Rio Grande do Sul, resolveu procurar uma alternativa.

Na frente da sua casa a professora deixou um mural onde ficam todas as atividades propostas para as crianças e ainda um kit de material escolar. Inicialmente, os exercícios estavam na página do facebook da escola, mas de acordo com Vera grande parte dos alunos não tem esse acesso.

“Eu estava vendo que não estava adiantando aquilo que eu estava fazendo. Eu pensei ‘se tem o pague e leve, tem o pegue e leve’. Como eu moro no bairro, eu pensei em colocar o varal em frente à minha casa umas atividades mais interessantes que eles possam produzir melhor.”

A professora agiu com a autorização da escola, e começou adquirindo os contatos dos familiares dos alunos. Numa turma de 18 alunos, Vera não conseguiu o contato apenas com 5, que moram em casas afastadas da cidade.

“Eu adquiri esse material com o meu dinheiro mesmo, porque não tem como tu deixar uma atividade se não tiver o incentivo até de ter o material para poder fazer.”

A professora fez um combinado com os alunos de eu as atividades devem retornar nessa quinta-feira (30) e novas já serão disponibilizadas.  Grande objetivo de Vera nisso tudo é, além de incentivar a alfabetização, não perder o vínculo com os pequenos.

“Não sabemos quanto tempo vai demorar, se vai ser em maio, junho ou julho a volta, aí eu vou ficar esperando? Eu vi que deu resultado, o aluno que vem pegar é porque quer mesmo o material”, diz a professora.

Fonte: g1