Início natureza 6 tipos de vinagre e seus benefícios a saúde

6 tipos de vinagre e seus benefícios a saúde

164
0

Quem disse que o vinagre é usado somente para as saladas? Esqueça disso!

O ingrediente já é conhecido por sua propriedades há muito, muito tempo. Ele era prescrito como um remédio para tratar diversas doenças por ninguém menos que Hipócrates, o pai da medicina. Além disso, nos tempos da Cleópatra (69-30 a.C) o vinagre era utilizado em rituais de beleza, enquanto soldados o usavam como uma espécie de tônico para ganhar vigor nas batalhas.

É, o vinagre já possui seus benefícios há um longo tempo… Hoje permanece nos mostrando algumas de suas funcionalidades como prevenção de diabetes tipo 2, boa digestão e equilíbrio do colesterol.

E nós temos um mundo cheio de vinagres! São vários tipos diferentes, e todos podem contribuir bastante com a nossa saúde. Veja 6 deles a seguir.

TIPOS DE VINAGRE

De vinho

Tinto e branco: os mais comuns surgem a partir da fermentação das uvas oriundas do Sul do Brasil, como a Isabel e Bordeaux.

Xerez: Este vinagre tempera receitas como gaspacho, sopas de legumes com tomate e pimenta. É originário de um vinho da Espanha.

Balsâmico: É feito na Itália. Envelhecido em barris de madeira, com cor escura e sabor adocicado.

De maça

Aromático e de sabor suave, este vinagre vai bem em molhos e receitas agridoces! Também é um dos tipos de vinagres mais estudados.

De arroz

É extremamente popular em países onde há grande cultivo do arroz – China e Japão, por exemplo. Faz sucesso em receitas como sushi e conservas.

De outras frutas

Em países tropicais a carambola, o kiwi e o abacaxi viram vinagre. Já mais ao norte, as frutas utilizadas são figo,framboesa e tamarindo. Aproveite os benefícios dos mais diferentes vinagres, varie seu cardápio!

De álcool

No Brasil, ele é elaborado a partir da cana de açúcar e costuma ser o mais barato. Bastante usado na fabricação e picles.

De hortaliças

Alguns vegetais como tomate, cebola e pepino servem como base pra esse tipo de vinagre.

Texto originalmente publicado em saude e adaptado pela equipe do blog educadores.