Início Comportamento Descubra atividades que estimulam a fala da criança

Descubra atividades que estimulam a fala da criança

1785
0

Saiba como ajudar no desenvolvimento do seu filho

A chegada de um filho é algo muito importante e que traz muita felicidade. Os pais se preocupam com cada detalhe, com cada acontecimento que os acomete. Queremos que nossos filhos tenham o melhor desenvolvimento possível, da forma mais saudável possível, para que possam crescer em todos os aspectos.

Os pais querem poder usufruir daquele momento mais esperado e mágico, que é quando o filho inicia a fala. Cada criança tem o seu tempo de aprendizado e isso deve estar entendido para os pais. Nenhum filho é igual, nenhuma criança é igual. Porém, independente da demora para que isso aconteça, existem atividades que podem ser feitas pelos pais afim de ajudarem os filhos nesta fase.

Vamos ver abaixo algumas atividades que podem ajudar no processo de fala:

De 0 a 2 anos

Encoraje o seu bebê a se comunicar através de vogais e consoantes, repetindo sons como: ma, pa, da, ba…

Mantenha contato visual enquanto repete estas sílabas usando bem a musculatura do rosto, dando ênfase a cada detalhe. Também é recomendado que você aumente a voz razoavelmente quando for fazer uma pergunta.

Imite as risadas e caretas que o bebê faz.

Motive seu bebê a imitar suas ações, como bater palminhas, fazer barulhinhos com a boca, beijar, brincar com os dedinhos, etc…

Sempre converse com o seu pequeno mesmo sem que ele entenda. Fale o nome dos objetos e destaque o que você está fazendo, como quando você da banho, faz a papinha, o alimenta…

Fale o nome dos brinquedos, das pessoas, das cores, conte até 3.

Utilize de palavras como “oi” e “tchau”.

Faça som dos animais e mostre qual animal faz o som.

Leia historinhas e mostre imagens.

De 2 a 4 anos

Use palavras claras e de fácil entendimento para conversar com a criança.

Repita você as palavras do pequeno para demonstrar que você entendeu o que ele quis dizer e para que ele veja como é o certo da pronuncia. Mas não indique que ele estava errado. Apenas repita corretamente sem corrigi-lo.

Mostre fotos de pessoas da família que ele veja com mais frequência, dizendo os nomes de cada um e suas características. Você pode fazer este mesmo exercício com frutas, brinquedos, animais…

Leias histórias e mostre imagens. Permita que a criança se interaja do conto dando suas considerações.

Mostre algumas partes do corpo e diga o que elas fazem, como por exemplo: “Este é meu nariz. Com ele posso sentir o cheiro das flores”.

Faça perguntas ao pequeno que possam ser respondidas com sim ou não.

De 4 a 6 anos

Quando a criança  for se comunicar dê a ela toda a sua atenção. Mostre que você entende o que ela está dizendo.

Fale pausadamente para que, desta forma, a criança possa se comunicar sobre o que esta sendo conversado durante os intervalos, dando sua opinião e participando.

Continue falando palavras novas para que o vocabulário do pequeno aumente cada vez mais.

Fale sobre situações que envolvam espaço e direção, como direita e esquerda, frente e atrás, primeiro e segundo, para cima e para baixo, ligado e desligado, sempre mostrando de forma clara o que cada palavra significa.

Destine a criança situações que envolvam no máximo 3 etapas, como: “Vá até seu quarto e busque o seu travesseiro”.

Faça referências que sejam coerentes com determinadas situações, como por exemplo: “Está tão frio, vamos pegar um casaco para nos esquentarmos”.

Leia histórias e discuta sobre os personagens. Faça perguntas que possam ser respondidas com frases simples sobre o que esta sendo lido.

Motive a criança a dizer o nome de coisas cotidianas e explique sobre as características de cada coisa.

Faça brincadeiras que instiguem o seu aprendizado.