Início Comportamento Adolescentes cuidam de boneca em projeto Um Bebê em Minha Vida

Adolescentes cuidam de boneca em projeto Um Bebê em Minha Vida

1900
0

O projeto “Um bebê em minha vida” é realizado na Escola Municipal Getúlio Vargas em Sapucaia do Sul/RS, sendo coordenado pela professora Ana Paula Machado, disciplina de Ciências e surgiu, desde 2015, com o objetivo de diminuir a incidência de alunas grávidas.

Para muitas meninas engravidarem era sinal de status e hoje, após tudo o que é trabalhado na escola este comportamento mudou, porque ter filhos é muito bom, mas tem que ser na idade certa. O projeto aborda conteúdos como corpo humano, reprodução e também os gastos envolvidos na criação de um bebê e busca a prevenção da gravidez na adolescência.

No início de março, aconteceu a “descoberta” da gravidez, foi programado chá de fralda e chá de revelação dos nomes e sexos dos bebês. No dia 18 de junho, nasceram três bebês (três bonecas) e o parto foi feito pelo prefeito da cidade Dr. Luis Rogério Link, e estes bebês tem 75 pais adolescentes das três turmas de 8º ano da escola. Antes da chegada dos bebês os alunos assistiram vídeos de parto normal e parto cesárea, o Dr. Link, esclareceu todas as dúvidas dos estudantes e enfatizou que “O parto pode ser rápido e fácil, difícil é criar um filho, principalmente para os jovens.” Também falou que o corpo de uma adolescente não está totalmente preparado para ter um bebê e que o pensamento dos jovens deve estar focado em estudar e buscar uma carreira.

A partir do nascimento os estudantes dividiram os cuidados, e a cada dois ou três dias os bebês trocarão de casa, sendo que todos os alunos deverão cuidar e realizar todas as atividades que um bebê necessita. Junto com o bebê o aluno leva um Diário, onde descreve como foi o dia a dia dele em sua casa e os cuidados que teve. Cada “bebê” tem uma funpage no Facebook, onde alunos, famílias, professores podem assistir e aprender com as atividades do projeto.

Dentre as tarefas, fizeram a certidão de nascimento, pesquisaram custo de vacinas, quais gratuitas e sobre o calendário de vacinação, custo mensal com a compra de produtos de higiene, fraldas e outros. Ao final do ano, os bebês ganharão festa de aniversário e um juri vai definir quem ficará com a tutela definitiva dos bebês(bonecas). Este projeto conta com o apoio de profissionais na área da saúde, sendo que uma enfermeira explicará sobre os métodos contraceptivos. e também os professores de outras disciplinas, dentre elas, a professora de matemática, auxilia com os gráficos, cálculos sobre fraldas que o bebê usará por exemplo.

Por mais projetos como estes, que façam os adolescentes refletirem que não é necessário ter filho tão cedo, pois é muita responsabilidade. E filho é pra toda a vida!

Para a estudante Maria Clara Rodrigues Pedro, 13 anos, a experiência ajuda a esclarecer dúvidas. “Nossos pais não nos falam muitas coisas, e a ‘sora’ está proporcionando isso para nós. Este projeto nos dá uma noção do que é criar um bebê”, falou.

fonte\: sapucaiadosul.rs.gov.br